LUÍS GOMES: ELEIÇÕES E OPINIÕES SOCIOPOLÍTICAS

As mídias são importantes mecanismos de publicização de ideias, opiniões e informações. È uma ferramenta valiosa no processo de democratização do conhecimento e da liberdade de expressão. Ela também serve para debates políticos.
Em Luís Gomes, em plena disputa eleitoral, o eleitor Marcos Cesar fez questão de expor sua opinião sobre a união do PMDB e o PT local, dirigindo-se, principalmente, ao candidato a vice, Luciano Pinheiro:

“Quem diria, Luciano que viveu a vida toda como "cão e gato", acusando o gato, várias vezes de ser "rato" na selva luisgomense, diz que estava enganado, o gato-rato, é de veras um cordeiro...”

Em resposta, o companheiro de chapa de Mariana Fernandes, Luciano Pinheiro, rebateu a crítica:

“A minha candidatura não muda em nada a minha conduta. Ao menos tenho coragem de me posicionar, de dizer o que está certo e o que está errado. Não sou omisso...me posiciono...me decepciona quem defende o que foi feito nos últimos três anos. Não sou masoquista...pense nisso”.

Novamente, Marcos Cesar apontou, de forma dura, elementos que desqualificam as recentes decisões tomadas pelo PT de Luís Gomes:

"Como é que é Luciano? Sua candidatura expressa simplesmente o que o PT se transformou, numa corja de gente falsa, idealizada numa estrela acabada, corruptível e mentirosa que passou anos e anos criticando a situação e agora mostrou realmente o que são, bando de incompetentes e irresponsáveis que quebrou o país, vc é PTista por completo.
Sua candidatura é falsa. Seu discurso sempre foi mentiroso, eu já sabia, e sei que o que vc fala na rádio é mentira, é pra ganhar algo, quem diria.
Aqui na minha casa temos dois votos, um é de Mariane e o outro é da Doutora. Pra vc Luciano, nada, quer dizer tenho sim, cem litros de Óleo de Peroba, para passar na sua cara. Lembre da sua irmã levar um rato para o seu comício, agora não pintado de verde como no passado, mas de VERMELHO, seu novo pseudônimo na sua selva Luisgomense."

Em um processo democrático as opiniões devem ser respeitadas e as escolhas políticas devem ser livres e conscientes. Entretanto, é importante frisar a todos os luís-gomenses que opinar é livre, mas que de forma respeitosa, sem ferir ou manchar a dignidade de quem quer que seja.